Plena Saúde: Conheça o plano Plena Saúde

Plena Saúde: Conheça o plano Plena Saúde

Plena Saúde Conheça o plano Plena Saúde

Como um plano de saúde pode melhorar a vida de quem o contrata com pequenas ações e pequenas seguranças

A vida caótica em sociedade gera inúmeros riscos e contratempos que nós ou não sabemos ou simplesmente negligenciamos. A cada minuto uma doença nova pode estar entrando no organismo ou um acidente pode estar se desenhando.

Contudo, não são todas as coisas que acabam por serem tragédias. Existem meios de fazer a tragédia virar dedicação, eficiência, serviço. Com os planos da Plena saúde o cliente consegue exatamente aquilo que o título promete.

Até porque, no fim das contas, tudo o que o contratante busca na hora de assinar o contrato de sua franquia medicinal, é a possibilidade e a base para uma vida sólida e sem complicações pontuais e difíceis.

Planos plena saúde e sua utilidade

A Plena saúde disponibiliza três tipos de plano para aquele indivíduo que busca mais estabilidade em sua vida. São eles os planos odontológicos, saúde empresarial ou coletivo por adesão.

Com o plano odontológico a Plena saúde traz o sorrir de volta aos seus dias, as suas relações. A saúde dentária de alguém está diretamente ligada à sua autoestima e também seu modo de vida. Uma boa carreira de dentes pode ser um bom sorriso de primeira impressão.

Também é importante possuir um plano odontológico pois dentes são elementos sensíveis e que, tamanho é seu incomodo em situações de dor, podem impossibilitar um ser humano.

Os planos odontológicos são trabalhados em faixas de preço mensais por pessoa, desde planos muito económicos na esfera individual, até mais enxutos no quesito família.

Com o plano odontológico plena saúde é possível ser atendido por profissionais com mais de 15 anos de experiência que estarão disponíveis 24h por dia.

Além disso o plano cobre mais de 270 procedimentos e conta com 14 mil dentistas credenciados que podem assegurar a saúde dentária do contratante. E isso vale para moradores de qualquer distrito do Brasil, tendo em vista que a empresa garante cobertura nacional.

Já no plano empresarial o que conta são as horas trabalhadas e o dinheiro arrecadado, certo? Errado. O plano empresarial não perde nem um pouco o cuidado que a individualidade evoca nos tratamentos, mas sim traz mais um aspecto coletivo e profundo da coisa.

Neste plano da plena saúde é possível incluir não só você mesmo, como alguns familiares, o que já ajuda aqueles funcionários que não possuem só a sua própria individualidade para se preocuparem.

Neste plano conta-se com UTIs, internações e cirurgias emergenciais. Além disso o plano empresarial possui carência reduzida e pode ser usado em micro e média empresa para alavancar os negócios e a qualidade de vida no trabalho dos funcionários.

Por fim existe o plano mais flexível de todos que é o plano de adesão. Esta ideia de planos adaptáveis e customizáveis se é muito boa quando existem tantos modos de vida e modelos de vivência espalhados pelo Brasil.

O plano conta com as mesmas vantagens dos planos anteriores e pode ser útil tanto para estudantes como para comerciários ou funcionários públicos. Como já dito, entretanto, este plano é altamente modificável, o que pode gerar situações muito agradáveis para aqueles indecisos.

Seja qual plano o indivíduo se encaixa melhor, é inegável que a plena saúde é, no mínimo, uma candidata de peso no ranking dos melhores planos de saúde do Brasil.

Um trabalho atencioso de atendimento, combinado a alta tecnologia só pode ser a dupla que entregará a saúde que o brasileiro merece, que é a mesma salientada no título: saúde plena.